Teve Hoje Início o Projeto “Escola no Mar”

Teve hoje início o projeto “Escola no Mar” com a turma do 4.º K-S da escola do Século. Este projeto irá decorrer ao longo de todo o ano letivo com duas turmas do 4.º ano da Escola do Século (4.º K-S e 4.º J-S), às quartas feiras de manhã. Durante o 3.º período as turmas do 4.º L-S e 3.º G-S também irão participar neste projeto.

A Academia Gulbenkian do Conhecimento – Escola no Mar – é um projeto apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian que pretende utilizar as atividades e cultura náuticas como instrumento diferenciador de desenvolvimento de competências nas crianças e jovens em idade escolar dos concelhos de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, tornando-os capazes de enfrentar um mundo em mudança.

A Escola no Mar é parte integrante dos programas do Desporto Escolar e do projeto Escola Azul do Centro de Formação Desportiva Náutica Escolar Agrupamento de Escolas Frei João de Vila do Conde em parceria Agrupamentos de Escolas, D. Afonso Sanches, Cego do Maio e Rates.

Objetivos Gerais

  • Preparar crianças e jovens para a mudança; desenvolver competências que lhes permitam lidar com problemas complexos; ampliar as suas oportunidades de realização

 

Competências Alvo:

  • definir objetivos ambiciosos e o envolvimento ativo na sua prossecução (Agência),
  • assumir responsabilidades, honrando-as de forma pontual e fiável (Compromisso), e
  • interagir de forma ajustada, valorizando e considerando a perspetiva do outro, o saber ouvir, contribuir e respeitar ativamente decisões em grupo (Colaboração).

Indicadores do Mundo em mudança:

  • 4 em cada 5 crianças que entram hoje na escola terão empregos que ainda não existem (Banco Mundial)
  • 40% das competências chave do futuro serão diferentes das de hoje (World Economic Forum)
  • 50% dos empregos estão risco pela automação (OCDE)
  • 10 a 15% dos empregos na indústria portuguesa vão desaparecer em 10 anos, mas serão criados outros. (Fórum para a competitividade)

 

 Objetivos específicos

1) envolver crianças na prática regular da vela;

2) desenvolver as CES;

3) melhorar o desempenho académico.

Enquadramento científico

Utilizar a prática da vela como metáfora para o desenvolvimento de competências emocionais e sociais (CES) em crianças oriundas de um contexto socioeconómico específico, integrado na zona piscatória de Vila do Conde e Póvoa de Varzim.

O desporto representa um elemento relevante para desenvolver CES em crianças, muitas vezes associadas ao sentimento de controlo pessoal, ganhar confiança no futuro, tomar melhores decisões e, em última instância, tornarem-se melhores cidadãos (Bailey, 2008). O presente projeto poderá alargar o conhecimento atual, intervindo em consonância com os princípios da OCDE (i.e., foco na tarefa, regulação emocional, colaboração, abertura à experiência, e relacionamento interpessoal), utilizando o mar como um contexto representativo da comunidade.

 

Intervenção da Escola no Mar

No dia da Escola no Mar os alunos trocam a sua sala de aula habitual por outra situada a cerca de 20 metros do mar, em plena Marina da Póvoa de Varzim, que funcionará como ponto de partida desta aventura do conhecimento.

A intervenção da Escola no Mar terá a duração de 2 anos e consiste na aplicação de uma metodologia de ensino da vela a alunos de 15 turmas do 4º ano, integrada no seu plano curricular. Os alunos participantes pertencem aos Agrupamentos de Escolas Frei João de Vila do Conde, D. Afonso Sanches, Cego do Maio e Rates.

Este slideshow necessita de JavaScript.