Participação nas Olimpíadas da Escrita 20/21

No passado dia 29 de abril, 15 alunos da E.B. 2,3 Cego do Maio apurados para a “Grande Final”, participaram na edição de 2020/2021 das Olimpíadas de Escrita, inseridas no Projeto Escola da Minha Vida.

Esta atividade decorreu em sala de aula, em formato adaptado online, através da plataforma zoom, devido à impossibilidade de reunir os 149 alunos participantes das várias escolas do concelho, no Diana Bar como tem acontecido nos anos anteriores, em resultado do período extraordinário de pandemia pela Covid-19 e no intuito de assegurar a melhor segurança de todos os intervenientes.

O Dr. Luís Diamantino abriu a sessão dando as boas-vindas, apresentou e interagiu com o escritor convidado Ondjaki que, a partir de Angola, lançou o mote do concurso “A baleia cantava ópera”, num imenso abraço entre o espetáculo dado pela baleia aos poveiros e o apelo desesperado por um mar sem plástico.  O processo criativo decorreu pouco depois, tendo tido a duração de uma hora.

This slideshow requires JavaScript.

Ondjaki nasceu em Luanda em 1977. Prosador, às vezes poeta. Licenciou-se em Sociologia e é membro da União dos Escritores Angolanos. Interessa-se pela interpretação teatral e pela pintura (duas exposições individuais, em Angola e no Brasil). Já em Lisboa, fez teatro amador durante dois anos e um curso profissional de interpretação teatral. No ano 2000 recebeu uma menção honrosa no prémio António Jacinto (Angola) pelo livro de poesia Acto Sanguíneo. Participou em antologias internacionais (Brasil e Uruguai) e também numa antologia portuguesa. Co-realizou um documentário sobre a cidade de Luanda (Oxalá Cresçam Pitangas – Histórias de Luanda). Em 2013, com Os Transparentes, ganhou o Prémio José Saramago, e em 2016, com o mesmo livro, o Prix Littérature-Monde 2016, em França.

Das suas maravilhosas palavras ficou a sugestão: “Não desistas dos livros. Procura sempre os livros que te façam bem, ainda que pelo caminho encontres livros que não queiram “namorar” contigo, isto é, que não criam uma relação contigo”. Ficaram também registos como: ”As histórias são uma coisa mágica porque nos transportam para outros mundos. “; “Uma história é o que nos sentir”.

Os resultados das Olimpíadas da Escrita vão ser revelados no dia 26 de maio. Os trabalhos serão expostos ao público no Centro de Juventude.